Fique bem informado com o JCN:

Trânsito

Confira 5 dicas da Ecosul para viajar com mais segurança no feriado

Publicado

em

Foto: Nauro Júnior/SatolepPress

As comemorações para o início do ano estão chegando e a Ecosul preparou mais uma operação especial para atender ao tráfego estimado de 170 mil veículos circulando pelo Polo Rodoviário de Pelotas durante o período.

A Operação de Ano Novo ocorre das 0h de sexta-feira (28) e se estende até às 23h59min, de terça-feira (1°) de janeiro de 2019. A concessionaria contará com 220 profissionais e 25 viaturas durante os cincos dias de ação.

O objetivo da iniciativa é proporcionar segurança aos motoristas que circularem pelas rodovias da região. No ano passado foram registrados dois acidentes com duas vítimas na mesma época.

“Nosso desejo é repetir os bons dados do ano passado, onde tivemos um baixo número de acidentes e nenhum óbito”, ressalta o gerente de atendimento ao usuário, Raul Boff. Segundo ele, é importante que os motoristas sejam prudentes e revisem seus veículos antes de pegar a estrada

Confira cinco dicas de segurança no trânsito preparadas pela Ecosul:

1) Lugar de criança é na cadeirinha no banco de trás: Use sempre o cinto de segurança e os dispositivos de segurança para crianças. Acima de 7 anos e meio, pode-se utilizar somente o cinto de segurança desde que este passe sobre o tórax e não sobre o pescoço.

Bebê conforto: do nascimento até 13Kg ou 1 ano.
Cadeirinha: de 1 a 4 anos ou 13 a 18 Kg.
Assento de elevação: 4 a 7 anos e meio.

2) Luz baixa é visibilidade alta: Use farol baixo mesmo durante o dia; Sob neblina ou chuva reduza a velocidade.

3) Nunca acione o pisca-alerta com o carro em movimento: Só deve ser usado se o carro estiver parado. Em caso de neblina, jamais use-o para sinalizar.

4) Celular ao volante, perigo constante: Dirigir e falar ao celular aumenta em até 23 vezes o risco de acidentes. No caso de mensagens de texto, o risco pode aumentar ainda mais.

5) Acostamento, só em caso de emergência: Além de ser proibido por lei, trafegar por ele coloca em risco a própria vida e de muitos pedestres; Realize revisão nos itens básicos de seu veículo tais como: pneus (verifique o estepe), água, óleo, combustível e iluminação (revisão geral nas lâmpadas).

Informações: Ecosul Rodovias

Trânsito

Placas de Trânsito com mensagens contra o machismo poderão ser substituídas

Publicado

em

Até o momento, foram contabilizadas cerca de 5 placas com as mensagens de protesto. | Foto: Jornal Canguçu Notícia

Em protesto ao machismo, um grupo anônimo de mulheres utilizou a sinalização do trânsito para passar sua mensagem. Com intervenções em placas de trânsito de Canguçu, símbolos de “PARE” antecederam mensagens, virando “PARE o machismo” e “PARE o patriarcado”.

Duas das placas que receberam a intervenção ficam no cruzamento da Rua General Osório com a Rua Teófilo de Matos, e no cruzamento da Rua Júlio de Castilhos com a Rua Conselheiro Brusque. Intervenções do mesmo tipo já foram flagradas em cidades maiores, como Pelotas e Porto Alegre.

Em uma conversa rápida da redação do Jornal Canguçu Notícia com pedestres, a ação foi vista como criativa e não pareceu incomodar a comunidade. A iniciativa no entanto, foi percebida por mais motoristas do que pedestres.

Apesar de estarem nas placas há pelo menos 2 meses, as mensagens não devem mais ser vistas nas ruas de Canguçu. Em entrevista, o secretário de Obras, Trânsito e Serviços Urbanos Mauro Silveira explicou que a ação se classifica como uma infração.

“É um caso de vandalismo. A gente não tem como impedir, estamos tentando identificar os vândalos pelas câmeras de segurança. […] Todo mundo é livre para se manifestar, mas depredar órgão e patrimônio público nem sempre é a melhor forma, por que quem acaba pagando é a comunidade.” — explicou o secretário.

Apesar de criativa, a ideia acaba sendo ilegal, de acordo com o artigo 81 do Código de Trânsito Brasileiro que proíbe modificações e inscrições que possam gerar confusão, interferir na visibilidade da sinalização e comprometer a segurança do trânsito. Segundo  o secretário, as placas deverão ser substituídas.

“Nós vamos corrigir em breve. Vamos identificar todas as placas que foram modificadas e substituir as que forem necessárias.”

PARA ENTENDER MELHOR

O que é Patriarcado? É um sistema social em que homens adultos mantêm o poder primário e predominam em funções de liderança política, autoridade moral, privilégio social e controle das propriedades. No domínio da família, o pai mantém a autoridade sobre as mulheres e as crianças.

O que é Machismo? Denomina-se como machismo a atitude ou comportamento que uma pessoa implanta e por onde prevalece a discriminação e a desvalorização do universo feminino, como resultado de considerar as mulheres inferiores aos homens.

Continue Lendo

Destaques da Semana

Copyright © 2019 — Jornal Canguçu Notícia LTDA