Fique bem informado com o JCN:

Educação

Desenhos, redações e poemas de alunos farão parte do Calendário 2020 da Prefeitura

Publicado

em

Neste ano, alguns trabalhos de estudantes foram divulgados no Calendário 2019.
Foto: Jornal Canguçu Notícia

Nesta semana, a Prefeitura anunciou a abertura das inscrições para o concurso cultural “IV Feira do Livro”. Podem participar alunos do ensino fundamental, da rede municipal e particular.

O concurso propõe que os alunos desenvolvam atividades relacionadas ao tema do 162º aniversário de emancipação política do Município: “Celebrar a história e olhar para o futuro.”

Serão escolhidos 12 trabalhos, sendo 4 desenhos, 4 redações e 4 poesias para terem suas criações divulgadas no Calendário 2020 que deverá ser distribuídos em alguns pontos do Município, além de premiações.

Serão aceitas as atividades até o dia 12 de Maio, no Departamento de Cultura, na Casa de Cultura Marlene Barbosa Coelho.

Segundo o chefe do Departamento de Cultura, Rudinei Domingues, o concurso tem com o objetivo de aproximar escolas, alunos e comunidade, incentivando os estudantes a produzirem cultura relacionada à Feira do Livro além de fortalecer os vínculos entre alunos e eventos literários através de desenho e produção de textos.

Segundo a Prefeitura, a comissão avaliadora será composta por 5 membros da comunidade e julgará os trabalhos com base nos seguintes critérios de avaliação: originalidade e criatividade, abordagem correta do tema, estética, sequência lógica, gramática. Os vencedores serão divulgados no dia 21 de junho, durante a abertura da Semana do Município.

Confira as categorias:
Alunos do 1º ao 4º ano – produção de desenhos
Alunos do 5º ao 9º ano – produção de textos
– 5º ao 7º redação – produção de fábula de 10 a 30 linhas,
– 8º ao 9ª ano uma poesia de no mínimo 3 estrofes;

Educação

ETEC é contemplada com R$ 1,3 milhões em emendas de deputados

Publicado

em

Foto: Jornal Canguçu Notícia

A Secretaria da Educação (Seduc) confirmou que Escola Técnica Estadual Canguçu (ETEC), foi contemplada com R$ 1.349,000,00 em emendas parlamentares da Bancada Federal.

O anúncio ocorreu nessa terça-feira (21), em uma audiência entre o diretor-geral da Seduc, Paulo Magalhães, a coordenadora da Superintendência da Educação Profissional do Estado, Denise Villas Boas, o vice-diretor, César Pinz e o assessor parlamentar do deputado Pedro Pereira (PSDB), Éber Hoffmann.

Pedro Pereira informou que o objetivo do encontro foi para saber o valor exato em emendas para a ETEC e ainda a possibilidade de ampliar a lista de aplicação desses recursos.

“É muito importante que o Ministério da Educação atualize esta lista e inclua novos itens para que as escolas possam adquirir outros equipamentos de acordo com as suas necessidades, principalmente para dar melhores condições aos nossos alunos” enfatizou. 

Foto: Reprodução

Do montante, R$ 500 mil foram articulados por Pedro Pereira, através das emendas indicadas pelos deputados federais Daniel Trzeciak (R$ 300 mil) e Lucas Redecker (R$ 200 mil). A deputada Maria do Rosário também destinou uma emenda de R$ 150 mil. A ETEC oferta ao público Ensino Médio Politécnico, Técnico em Contabilidade (Subsequente), Técnico em Agricultura (Subsequente e Integrado ao Ensino Médio).

A instituição tem 55 anos de história e atualmente tem 695 alunos. Além de Canguçu, muitos alunos são de outros municípios da Zona Sul, como de Capão do Leão, Morro Redondo, Piratini, São Lourenço, Santana da Boa Vista, Pelotas e Canguçu. A escola dispõe de laboratórios de solos, topografia, informática, entre outros e conta com 55 professores e 20 funcionários.

com informações do assessor Rafael Ribeiro

Continue Lendo

Destaques da Semana

Copyright © 2019 — Jornal Canguçu Notícia LTDA