Fique bem informado com o JCN:

Saúde

HCC realiza primeira cirurgia pelo SUS após reativação do bloco

Publicado

em

Hospital de Caridade de Canguçu. Foto: Canguçu Notícia
Foto: Jornal Canguçu Notícia

Na noite desta terça-feira (23), a Prefeitura de Canguçu anunciou em suas redes sociais que o serviço de cirurgia do Hospital de Caridade de Canguçu, reaberto para cirurgias pelo SUS no dia 15 de abril, já contou com a realização de seu primeiro serviço.

Segundo informações da casa, no dia 16 de abril, às 18 horas, deu entrada no Pronto Socorro, um paciente que reclamava de fortes dores abdominais. Após a avaliação do plantonista cirúrgico, foi apontada a necessidade de cirurgia de apendicectomia.

A operação foi realizada às 20 horas no bloco cirúrgico e foi um sucesso. Após 48 horas do procedimento, o paciente estava recuperado e pôde receber alta.

Serviço foi reativado no último dia 15

No dia 15 de abril aconteceu a oficialização da reabertura do Bloco Cirúrgico do Hospital.

O ato contou com a presença de vereadores e da imprensa local. Na oportunidade, aconteceu a assinatura dos contratos com as equipes médicas para a retomada das cirurgias eletivas, cobertas pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

No começo do ano, uma reunião entre executivo e legislativo alinhou os detalhes sobre o funcionamento das cirurgias. A Câmara Municipal concordou em repassar ao hospital mensalmente um aporte de R$ 40 mil para a retomada do serviço.

Leia também:

com informações da assessoria de imprensa

Saúde

Canguçuense precisa de ajuda para manter custos com tratamento de Câncer de Mama

Publicado

em

Foto: Facebook/Reprodução

A família da canguçuense Luciane Aparecida dos Santos Ferreira está realizando uma vakinha virtual para arrecadar fundos para ajudar a custear o tratamento do câncer de mama.

Aos 35 anos e mãe de cinco filhos, Luciane Ferreira luta contra um câncer agressivo há pelo menos 4 anos e já passou por 2 cirurgias para a remoção de uma das mamas que estava totalmente afetada pela doença.

Um período depois da remoção, a mulher recebeu a notícia de que o tumor havia retornado, e agora passa por sessões de quimioterapia para tentar frear a doença, antes de retirar a outra mama que acabou sendo comprometida pela doença.

O desafio se tornou ainda maior com a gestação, que precisa de um cuidado a mais no tratamento, já que não pode fazer uso de alguns medicamentos por serem fortes e pelo risco prejudicar a saúde de seu bebê. A irmã, que morava no Paraná, precisou se mudar para Canguçu para ajudar no tratamento e nos cuidados com os outros filhos.

Viviane pede a ajuda de todos para auxiliar no tratamento da irmã que precisa de remédios contra este câncer que tem enfrentado. É possível colaborar com qualquer valor através do site vakinha.com.br, clicando aqui.

Continue Lendo

Destaques da Semana

Copyright © 2019 — Jornal Canguçu Notícia LTDA