Fique bem informado com o JCN:

Geral

Horário de verão termina neste fim de semana; Relógios devem ser ajustados em 1h

Publicado

em

Moradores das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste
devem ajustar relógios em 1 hora e ficar atentos à configuração do celular. Foto: Divulgação

O horário de verão de 2018, que começou no dia 4 de novembro, termina neste domingo (17). Ao término do horário de verão, os moradores de 10 estados e do Distrito Federal devem atrasar o relógio em uma hora.

O ajuste vale para as regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste (São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal).

Este ano, o horário de verão foi encurtado – começou mais tarde. Antes, ele se iniciava no terceiro domingo de outubro. Em dezembro de 2017, o presidente Michel Temer assinou decreto que encurtou a duração do horário de verão, atendendo a pedido do Tribunal Superior Eleitoral, para que o início do horário de verão não ocorresse entre o primeiro e o segundo turno da eleição.

O Palácio do Planalto chegou a informar em 2018 que, a pedido do Ministério da Educação, a entrada em vigor do horário seria adiada para dia 18 de novembro, a fim de não prejudicar provas do Enem, mas acabou decidindo manter a data de 4 de novembro.

com informações do site de notícias G1

Continue Lendo
Publicidade

Geral

Cooperativa Sicredi destina R$ 32,5 mil para ajudar na execução de 11 Projetos em Canguçu

Publicado

em

Com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento social das comunidades, bem como promover os valores de cooperação e cidadania e apoiar projetos sociais a Cooperativa aprovou, nas últimas assembleias, o Fundo Social. O fundo é formado por 1,5% das sobras da Cooperativa, o que equivale, nesse ano, a R$ 312 mil.

As agências dos 12 municípios da área de ação da Sicredi Zona Sul receberam a inscrição de projetos e em reunião local com os coordenadores de núcleo, gerentes de agência e diretores foram definidos os projetos apoiados com o Fundo social para esse exercício: 101 projetos serão atendidos, 53 na sua totalidade.

Em Canguçu, foram beneficiadas as seguintes entidades: Centro Promocional Madre Madalena, E.M.E.F. Irmã Maria Firmina Simon, E.M.E.F. Victor Marques Porto, Conselho Escolar da E.M.E.F. Santo Ângelo, AMCAR- Associação dos Moradores da Coxilha dos Campos, E.M.E.F. Santa Maria, E.M.E.F. José Luiz da Silva, E.M.E.F. São Luiz Gonzaga, Arautos da Colina, Associação tradicional de taekwondo e artes marciais e Conselho Comunitário Pró-segurança Pública.

Clique aqui e confira a lista completa com todos os programas aprovados

Os projetos também foram apreciados pelo Conselho de Administração da Cooperativa e, a partir de agora, cada agência mobiliza-se para disponibilizar a verba e dar andamento na sua aplicação e acompanhamento da implantação junto às entidades proponentes.

SOBRE O FUNDO SOCIAL

O Fundo Social visa apoiar projetos de cunho educacional, cultural, esportivo e ambiental, bem como de assistência social. As entidades beneficiadas devem ser legalmente constituídas, possuir CNPJ e contrato ou estatuto social.

As inscrições podem ser feitas anualmente, durante o período de inscrições e os interessados devem preencher o formulário e entregar a proposta nas agências do Sicredi da área de ação da Cooperativa Sicredi Zona Sul RS.

Mais informações sobre o Fundo Social entre em contato com a Assessoria de Comunicação da Cooperativa pelo fone: (53) 3284.8600 ou através do e-mail:suregzonasulrs_comunicacao@sicredi.com.br 

com informações da assessoria de imprensa

Continue Lendo
Publicidade
”GaudinosBurgers”/
”GSSinuelo”/
Publicidade
”Whatsapp”/

Destaques da Semana

Copyright © 2019 — Jornal Canguçu Notícia LTDA