Fique bem informado com o JCN:

Arte

III Feira do Livro de Canguçu enaltece jovens escritores

Publicado

em

Integrada à programação de aniversário do Município, a terceira edição da Feira do Livro de Canguçu foi lançada na semana passada pela Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Educação, Esportes e Cultura.

A abertura oficial da feira foi realizada na manhã de quarta-feira (20) na Escola Municipal Marechal Floriano. A edição deste ano traz como tema “Ler é transformar a essência humana”.

A abertura oficial dos estandes aconteceu na quinta-feira (21). As atividades seguiram até a sexta (22), ao lado da Casa de Cultura, em frente à praça Dr. Francisco Carlos dos Santos, onde, devido ao vento intenso, teve de ser suspendida.

A patrona escolhida para esta edição é a Professora Laedi Bachini Bosenbecker, consagrada pelo povo de Canguçu com o honroso e merecido título de Cidadã Canguçuense, em 1988, e autora do Livro didático pedagógico “Conhecendo Canguçu”, a qual traz em seu bojo o desejo de despertar, através do conhecimento, o amor pelo Município. Segundo a organização da Feira, a escolha se deu pelo ideal em manter a valorização dos escritores canguçuenses.

Dentre as novidades desta edição, foram  inauguração de pontos de leitura nas praças, a exposição de trabalhos com artesãos canguçuenses e um encontro para relato de experiência com o Conselho Estadual de Cultura (CEC) e Representantes do Ministério da Cultura.

Entre os escritores convidados que marcaram presença neste ano estão: Adão Jesus Coelho da Silva, André Pereira da Silva, Auta Sirlei Barbosa de Oliveira, Luiz Geraldo Telesca Mota, Adriano Telesca Mota e Claudiomar Pereira da Cunha.

Na sexta-feira (22), o dia foi dedicado aos jovens escritores: Sofia Führ Molter, natural de Pelotas e autora de ‘A garota dos Livros’; Romário Corrêa, de São Lourenço do Sul, autor do livro ‘Nunca se Perde por dar Amor’ e dos alunos da Escola Municipal Carlos Soares da Silveira, autores do livro ‘Territórios Infantis’ em parceria com a Universidade Federal do Rio Grande (FURG).

— Em Canguçu, os mais pequenos são os que mais se envolvem com as atividades da feira. Nessa edição teremos a mediação da leitura para os pequeninos, com pessoas caracterizadas de personagens contando histórias além de pontos de leitura que serão inaugurados na Praça. — destacou o responsável pelo setor de Cultura, Rudinei Domingues.

A feira contou ainda com a exposição de arte ‘Infinito Íntimo’, produzida pelo grupo do CAPS I e CAPS AD sob a coordenação dos arteterapistas Marcio André Badina e Roger Fraga Coutinho. no Saguão do Cine Teatro Municipal 27 de Junho.

—  O principal objetivo da feira é incentivar os mais jovens. Temos o incentivo da leitura tem que vir desde cedo . Quando a gente estimula os mais pequenos ao hábito de ler, eles carregam o gosto quando se tornam adultos. —  concluiu Rudinei.

Livreiros: Cristo é Vida; Feito de Letras; Prazer de Ler; Sociedade Bíblica do Brasil Sociedade Espírita “Trabalhadores do Evangelho”

 

A PATRONA DA III FEIRA DO LIVRO DE CANGUÇU:

Laedi Bachini Bosenbecker

Natural de Pelotas reside em Canguçu há 52 anos. Formou-se Professora na Escola Normal Assis Brasil, assim designada na época.

Em 1954 casou-se com Waldemar Frederico Bosenbecker (in memória). Trabalhou como professora, orientadora e coordenadora do Colégio Franciscano Nossa Senhora Aparecida.

Entre os anos de 1977 a 1983 atuou como Secretária Municipal de Educação e Cultura de Canguçu, e em 1993, novamente esteve à frente dessa Secretaria durante o mandato do Prefeito Municipal Domírio de Ávila Camargo.

Acadêmica na Academia Canguçuense de História (ACANDHIS), ocupando a Cadeira do Professor André Puente. Autora do Livro didático pedagógico “Conhecendo Canguçu”, lançado em 1987, bem como contribuiu na Revista de 200 anos de Canguçu da ACANDHIS, entre outros.

Hoje, aposentada, sente-se feliz em poder dizer: “Cumpri minha missão como professora, minha vida não foi em vão!”.

** Matéria produzida em parceria com o Jornal Tradição Regional

Fotos: Roberta Pereira / Prefeitura Municipal

Arte

2ª Edição do Espetáculo Ame o Diogo arrecada R$ 4,6 mil

Publicado

em

No domingo (25), aconteceu a segunda edição do Espetáculo Ame o Diogo. O evento foi promovido através de uma parceria de organizadores de eventos infantis com alunos do Colégio Aparecida e contou com diversas atrações e personagens como: Ana e Elsa, Ladybug e Catanoir, Patati e Patatá, Minnie e Mickey, Branca de Neve, Princesinha Sofia e Queen Bee.

Ao todo, foram arrecadados R$ 4.680,00. As formas da comunidade ajudar foram muitas: compra de ingressos, pescaria, e opções gastronômicas, como brigadeiros, algodão doce e pipoca gourmet. Todo o dinheiro arrecadado foi revertido para o tratamento de Diogo Zarnot.

Para a Aniger Bast, uma das organizadoras, a participação foi ainda maior que na primeira edição. O valor arrecadado, quase alcançou o primeiro espetáculo que contava com uma sessão a mais de apresentações..

“Tivemos um resultado muito positivo. Foram muitas pessoas ajudando na iluminação, sonorização e decoração. Esperamos que ninguém pare a campanha. A comunidade de canguçu, unida, vai conseguir ajudar essa família que tanto precisa. Estamos muito felizes por poder ajudar” explicou Aniger.

Segundo a organizadora, o grupo recebeu muitas doações de guloseimas e carnes para os churrasquinhos. Alguns dos brindes que sobraram da pescaria, como um capacete e uma colcha de crochê serão rifados nos próximos dias.

“Uma mulher se sensibilizou com a história do Diogo e veio de Morro Redondo para trazer duas tortas para vendermos e aumentarmos as doações.” comenta Aniger.

RELEMBRE O CASO

Diogo foi diagnosticado com Atrofia Muscular Espinhal tipo 2. A doença é rara, grave e degenerativa, e se caracteriza pela degeneração e perda de neurônios motores da medula espinhal e do tronco cerebral, resultando na fraqueza muscular progressiva e atrofia.

O único remédio atualmente, que pode parar a progressão da doença é o Spinraza, que ainda não é disponibilizado pelo sistema único de saúde, e tem o custo de em média R$ 318 mil reais cada dose. A família já arrecadou o suficiente para 2 doses.

Continue Lendo
Publicidade
”GaudinosBurgers”/
”GSSinuelo”/
Publicidade
”Whatsapp”/

Destaques da Semana

Copyright © 2019 — Jornal Canguçu Notícia LTDA