Fique bem informado com o JCN:

Saúde

Possibilidade do Hospital de Caridade fechar preocupa a comunidade

Publicado

em

Foto: Jornal Canguçu Notícia

As últimas semanas tem sido angustiosas tanto para os funcionários do Hospital de Caridade de Canguçu (HCC), que não recebem seus vencimentos desde setembro, quanto para a comunidade que precisa da casa de saúde e não tem recursos para pagar uma consulta particular ou se deslocar para outra cidade.

Vivian Domingues, estudante de jornalismo e parceira na produção de conteúdo no Jornal Canguçu Notícia se deslocou até a casa de saúde e conversou com a comunidade sobre a forma como estão vendo a greve e a preocupação que a instituição feche as portas.

Confira os depoimentos:

“Eu moro pra fora, venho pra cidade consultar e as vezes não consigo atendimento porque os funcionários estão em greve. Se o hospital fechar as portas estaremos sem saída, pois dependemos totalmente do atendimento” — Anita Vargas, 45 anos, agricultora, mora no Pantanoso Segundo Distrito cerca de 75 km

“É muito complicada essa situação do hospital pois precisamos do atendimento e agora tem esse risco de fechar as portas” — Altair Aguiar Pereira, 21 anos, Padeiro, natural de Canguçu

“O hospital não pode fechar, o município precisa dele. É uma pouca vergonha o hospital se encontrar nesse decadência” — Daiana da Cunha de Souza, 53 anos, agricultora, natural de Canguçu, Mora no interior na região de Santo Antônio Terceiro Distrito cerca de 70 km

A ANGÚSTIA DOS FUNCIONÁRIOS

Além da preocupação da comunidade,  os corredores da casa de saúde tem sido de silêncio e olhares angustiados. Houve pelo menos um pedido de demissão, logo após o retorno da funcionária da licença-doença, concedida por depressão e stress.

— Já estamos atravessando essa dificuldade a mais de 3 anos. É uma situação complicada porque cada um de nós precisa se alimentar, pagar água, luz, e alguns moram de aluguel… Tem sido um trabalho massacrante, pois nunca deixamos de fornecer atendimento, nem em datas comemorativas e feriados. No natal do ano passado, muitos colegas não tinham um pedaço de carne pra pôr na mesa.  Vem se tornando um trabalho desgastante. Nunca temos certeza do nosso futuro como funcionários do hospital. —  explicou a  técnica de Enfermagem do HCC e representante da categoria, Luciara Luna Lira.

Saúde

Família já arrecadou o suficiente para a primeira dose do tratamento do Diogo Zarnot

Publicado

em

foto: Jornal Canguçu Notícia

Nesta quinta-feira (9), a família do Diogo Zarnot anunciou através das redes sociais que já arrecadou mais de R$ 238 mil, suficiente para a primeira dose do tratamento.

Segundo a família, com apenas um mês de campanha não só foi possível arrecadar fundos para a primeira dose, como já estão com valores próximos da segunda. A campanha no entanto continua. Só é possível começar o tratamento, adquirindo as quatro doses juntas;

Confira a publicação da família na íntegra:

Continue Lendo

Destaques da Semana

Copyright © 2019 — Jornal Canguçu Notícia LTDA