Fique bem informado com o JCN:

Política

Projeto de reforma da Escola José Veridiano está em fase de conclusão

Publicado

em

Foto: Facebook/Reprodução

O deputado Pedro Pereira (PSDB) esteve reunido nessa terça-feira (08), com o secretário de Obras e Habitação, José Stédile e o coordenador Estadual de Obras da pasta, Ricardo Todeschini, para tratar do projeto de reforma da Escola Estadual José Veridiano, em Canguçu.

“Essa obra é fundamental para oferecer melhores condições aos nossos alunos” disse Pereira.

Foto: Saul Teixeira

José Stédile informou ao deputado, que o projeto está em fase de conclusão e será entregue nos próximos dias. O secretário afirmou ainda que posteriormente será aberto o processo licitatório.

“Expliquei ao secretário a importância desta obra para a comunidade, para os pais e alunos da Colônia Palma, do 5° distrito da minha Canguçu. A escola necessita desta reforma e vou continuar trabalhando e defendendo os interesses da região” declarou Pedro Pereira.

com informações da assessoria de imprensa

Continue Lendo
Publicidade

Política

Mulheres na Câmara: Projeto institui sessão especial em que suplentes assumem postos de vereadores

Publicado

em

Número de mulheres que ocuparam cadeiras no Legislativo ainda é pequeno em Canguçu. Foto: Assessoria de Imprensa/Câmara

Na sessão ordinária de segunda-feira (1), a Câmara aprovou por unanimidade o projeto do vereador Rubens Vargas (PTB) que institui o “Dia da Câmara Mulher”

O projeto cria um novo evento no calendário do Legislativo, em que as suplentes dos vereadores em exercício assumem seus postos durante um dia, apresentando proposições: (projetos de lei, decretos, resoluções, requerimentos, indicações e moções) e debatendo suas ideias no Plenário da Câmara.

A sessão ordinária do Dia da Câmara Mulher está prevista para acontecer no dia 1° de outubro, e será transmitida ao vivo com o encaminhamento das deliberações adotadas; Neste dia, as suplentes poderão fazer uso dos gabinetes e equipamentos dos vereadores titulares, além de receberem um auxílio financeiro para cobrir os gastos com deslocamento e alimentação;

De acordo com o documento aprovado, cada agremiação partidária terá o mesmo número de vagas, para mulheres correspondente ao número de vereadores titulares eleitos.

A composição da Mesa Diretora (Presidente, 1ª Vice Presidente; 2ª Vice Presidente; 1ª Secretária e 2ª Secretária) será definida de acordo com as 5 suplentes que obtiveram o maior número de votos, independente da sigla da agremiação partidária.

Para o vereador autor do projeto, Rubens de Vargas, o objetivo é fortalecer a participação feminina no processo político municipal e valorizar as suplentes de vereador, permitindo a exposição de seus projetos e promovendo a inserção no contexto político, estrutural, administrativo, conjuntural da Câmara.

com informações da assessoria de imprensa

Continue Lendo
Publicidade
”GaudinosBurgers”/
”GSSinuelo”/
Publicidade
”Whatsapp”/

Destaques da Semana

Copyright © 2019 — Jornal Canguçu Notícia LTDA