Fique bem informado com o JCN:

Geral

Sem Corpo de Bombeiros na cidade, vizinhos tentam apagar incêndio com baldes de água e mangueiras

Publicado

em

Foto: Reprodução

Na sexta-feira, uma casa na rua Júlio de Castilhos, nos fundos do Esporte Clube Cruzeiro, teve a cozinha destruída por um incêndio.

Segundo informações dos moradores, os proprietários não estavam na casa no momento do incidente, e os vizinhos tiveram que entraram pela garagem para tentar apagar as chamas que destruíram boa parte do cômodo.

Para tentar combater o incêndio, os moradores correram com baldes de água e mangueiras. O incidente teria sido provocado por um curto circuito na cozinha da residência.

Com a situação, os vizinhos relataram a dificuldade de lidar com a falta de um corpo de bombeiros.

— É inaceitável nossa cidade não ter Corpo de Bombeiros! Se não fosse pelos vizinhos, eles teriam perdido tudo no incêndio. – relatou um dos vizinhos.

MUNICÍPIO AINDA NÃO CONTA COM CORPO DE BOMBEIROS

Canguçu é apontado como o único município gaúcho, com mais de 50 mil habitantes, que ainda não conta com uma estrutura completa de combate a incêndio.

Há pelo menos 7 anos a instalação da unidade está tramitando nas instâncias. Em Pelotas, o Caminhão Auto Bomba Tanque destinado à Canguçu, permanece sem uso há anos, guardado em uma das garagens do Corpo de Bombeiros da cidade.

Continue Lendo
Publicidade

Geral

SINDILOJAS e SINDEC definem horários do comércio para o final do ano

Publicado

em

Foto: Jornal Canguçu Notícia

No começo deste mês, o Sindicato do Comércio Varejista de Canguçu (SINDILOJAS) e o Sindicato dos Empregados no Comércio (SINDEC) assinaram o acordo de trabalho para o período de natal e ano novo.

Os estabelecimentos representados pelo Sindicato do Comércio Varejista de Canguçu podem funcionar, entre os dias 1º de dezembro e 20 de dezembro de 2019 até as 19h30.

O acordo prevê ainda que o comércio pode abrir aos sábados, nos dias 14 e 21 até às 18h e no dia 28 até às 12h30. Deve ser respeitado o intervalo de duas horas para o almoço dos empregados.

As empresas podem funcionar no domingo (22), entre 15h e 19h. Para cada funcionário que trabalhar neste dia, será pago um acréscimo de R$ 78,00.

No dia 24 de dezembro, véspera de natal, o comércio funcionará até às 19h e no dia 31, véspera de ano novo, até às 12h30.

Como compensação pelo trabalho no domingo, os trabalhadores terão direito a um dia de folga que poderá ser concedida em janeiro ou fevereiro de 2020, ou ainda por uma folga na segunda-feira de Carnaval.

Continue Lendo

Destaques da Semana

Copyright © 2019 — Jornal Canguçu Notícia LTDA