Fique bem informado com o JCN:

Saúde

VÍDEO: Ministro da Saúde Henrique Mandetta confirma que SUS irá cobrir tratamento do menino Diogo

Publicado

em

Na tarde desta quarta-feira (24), o deputado federal Daniel Trzeciak (Daniel da TV) (PSDB), o ministro da Saúde Henrique Mandetta e o Senador Luis Carlos Heinze (PP) mandaram um recado para a Darleni Schröder Zarnot e o Edison L Zarnot, pais do Diogo Zarnot.

A boa notícia de que o remédio seria oferecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS) foi anunciada pela manhã, no telejornal Bom Dia Rio Grande , do Grupo RBS.

A reportagem fez referência ao caso do Diogo e à mobilização dos canguçuenses para arrecadar mais de R$ 2 milhões para o primeiro ano de tratamento do menino.

Diogo Zarnot tem Atrofia Muscular Espinal (AME) do tipo 2. A doença é grave, rara e degenerativa. Afetando os neurônios da medula espinhal e do tronco cerebral, a doença passa a limitar os movimentos do corpo. A origem é genética e não há cura.

Saúde

Com mais de R$ 930 mil arrecadados, Diogo Zarnot termina primeira etapa do tratamento

Publicado

em

Foto: Instagram/Reprodução

Nesta terça-feira (15), o pequeno Diogo Zarnot recebe a 4ª dose do medicamento Spinraza e conclui a primeira etapa do tratamento para a Atrofia Muscular Espinhal (AME 2), no Hospital de Clínicas, em Porto Alegre.

De acordo com os pais, a família segue com a campanha para conseguir pagar os R$ 350 mil adquiridos através de um empréstimo. A campanha solidária, movida pela comunidade canguçuense, que já completa mais de 7 meses, conseguiu arrecadar cerca de R$ 936 mil.

O valor não foi o suficiente para pagar totalmente a compra das 4 primeiras doses, e o empréstimo se fez necessário, devido a necessidade e urgência do tratamento.

De acordo com a mãe do menino, Darleni Zarnot, o Sistema único de Saúde (SUS) estabeleceu o prazo de até 24 de outubro para disponibilizar o restante do tratamento para o menino. A família está otimista com a garantia para poder dar continuidade ao tratamento.

Continue Lendo

Destaques da Semana

Copyright © 2019 — Jornal Canguçu Notícia LTDA